segunda-feira, 21 de março de 2011

É Primavera, é Primavera!

Na Primavera a Natureza renova-se, multiplica-se e fica inegavelmente mais bonita com os diferentes tons de verde e as cores variadas das flores.



Neste primeiro dia de Primavera, peço-vos apenas três coisinhas:
- que se renovem, abrindo a mente a ideias novas, positivas e que originem coisas boas a curto, médio e longo prazo;
- que se multipliquem, abraçando a partilha, a solidariedade, o amor ao próximo de TODAS as espécies, formas e feitios e não apenas ao ser humano (excepto as melgas, que eu essas ainda não lhes encontrei função nenhuma que não sugar-nos e infectar-nos... Se souberem, peço-vos que me digam!);
- que se embelezem, por dentro e por fora, com um sorriso nos lábios, brilho nos olhos, côr nas bochechas (o Sol ajuda, mas não se esqueçam do protector solar!!!) e, acima de tudo, uma postura positiva e activa (vejam como no Refletir e Sentir e no Optimismo em Construção!).

Como vêem, sou muito parca a pedir... ;-P

Brilhem e que consigam emanar esperança com mais força que a maior Lua Cheia dos últimos 18 anos que iluminou a noite de Sábado!

P.S.: Eu não uivei, mas se calhar devia tê-lo feito, só para desanuviar... E vocês, uivaram como sugerido aqui?!?

8 comentários:

  1. Olá Sónia, eu não uivei, mas se o tivesse feito teria sido em silêncio. Os teus pedidos já estão na minha agenda, ehehehe! Boa semana! A receita do bolo já lá está. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Vou seguir estes sábios conselhos.
    Eu julgo saber a utilidade das melgas, é fácil, tem interesses na industria farmacêutica e comissões na venda do fenistil (é assim que se escreve?).
    Oh Sónia isso de uivar à lua parece-me um pouco para lobisomem.
    Mas é uma coisa a experimentar, quem sabe não gosto!

    ResponderEliminar
  3. Muito bem dito Sónia! Aproveitemos a chegada da Primavera porque é como se fosse um verdadeiro renascer, faça-mo-lo com alegria e de coração aberto. Estejamos mais atentos, amemos mais e melhor :) sejamos Felizes!

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  4. Olá Sónia. Obrigada pelas palavras e referências ao Optimismo. Multiplicar, Renovar e Embelezar são três excelentes atitudes. Pessoalmente, gosto muito do simbolismo primaveril do recomeço. Porque ele é duplo. Por um lado, é nesta estação que surgem os esforços de todo um tempo de hibernação (reflexão, projectos, pausa, descanso....)por outro, é a segunda hipótese para que quem não o fez, o possa ainda por em prática e conseguir resultados, só que um pouco mais tarde. Por isso, para algumas espécies, parece que podemos estar sempre em Primavera. E nós seres humanos? Acredito que a simbologia não está apenas na expressão "Natal é quando um homem quiser". A Primavera também o pode ser quando quisermos, se nos renovarmos, multiplicarmos e embelezarmos. O difícil mesmo, ou optimisticamente falando, o desafio está em transportar para as nossas vidas os ciclos da natureza de que nós ditos Seres humanos, contaminados pelo progresso, temos tendência a excluirmo-nos.
    Não acordamos nem nos deitamos com as galinhas; alteramos a hora por motivos de ordem económica e transacções financeiras, ou ainda para poupar electricidade. E mesmo que esta última seja correctamente ecológica, a sua causa não é forçosamente natural.
    Quanto ao uivo...haveria muito a dizer. Vou ousar dizer à Dina que um uivo silencioso é bom, mas que o momento em que o soltarmos, não só nos torna diferentes, como audíveis. Ao Manuel, que embora o possamos associar ao lobisomem e já que ele coloca a hipótese de o experimentar, que o faça. Aceito que possa parecer um pouco doida e disparatada a ideia de um ser humano se por a uivar à lua (mas se noutros momentos, e apenas como uma forma de manifestação também gritamos, choramos e rimos qual é a diferença? O não ser humanamente correcto? Tenho alguns truques para o fazer sem parecer muito estranha ou afastar vizinhos. Vou partilhar convosco, e a Sónia, como vet., poderá dizer se acontece com ou seres ditos não humanos e apenas animais ou se é mais um mito humano.
    Tenho duas cadelas. (embora uma já tenha morrido há dois anos, vieram juntas e não consigo deixar de falar no plural.) Em noites de lua cheia uivam bastante. Também o fazem quando ouvem sirenes de bombeiros ou carros de polícia - nesses momentos acompanho-as e, assim, num todo, quem é cão e quem é humano uiva em simultâneo. Até próxima. Alexandra

    ResponderEliminar
  5. Dina:
    É bom saber que já tens coisas boas agendadas!!! ;-D
    Quanto ao uivo, já é bom pensa-lo e sent-lo, mas é como diz a Alexandra: "o momento em que o soltarmos, não só nos torna diferentes, como audíveis." E é bom ser ouvido!!! E lido! ;-)

    Boa semana!

    P.S.: Já copiei a receita. Quando o fizer, digo-te como saiu!!!

    ResponderEliminar
  6. Manuel, fico satisfeita ao ver que, não só lê, como toam em consideração tudo o que digo. Obrigada! :-)
    Quanto às melgas, estamos de acordo, não servem para nada de jeito (é o que dá não ser farmacêutica nem accionista do laboratório que produz o Fenistil!)!
    Vou seguir estes sábios conselhos.

    Quanto ao uivar, espero que experimente, porque vai gostar mesmo!!! Pode parecer de lobisomem, mas lhe garanto que é libertador!
    Depois diga como correu!!!

    Se calhar até lhe traz muita inspiração para escrever mais histórias fantásticas no blogue! ;-)

    Continuação de boa semana!!!

    ResponderEliminar
  7. Natacha, assino por baixo!!!

    Muita Felicidade e Amor para ti!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  8. Alexandra, é sempre bom ver os seus(teus?) comentários!

    Sim, a Primavera é um recomeço e é esse permanente recomeço que me faz ser optimista e pensar que ainda há esperança!
    Realmente é um desafio muitos seres humanos perceberem que não passamos de animais com um extra que nos diferencia, mas mais nada! Como disse o João Jorge, que deu um workshop de Permacultura há pouco tempo, "o ser humano é uma espécie de deus no sentido em que pode acelerar os processos da Natureza, mas não alterá-los"! Quando percebermos isso, poderemos viver melhor. Até lá...

    Quanto ao uivo... "Quem não tem cão, caça com gato" ou, no meu caso, uiva com os miúdos! Pode não ser necessariamente à noite (que isto de viver na cidade tem as suas desvantagens!), mas o que interessa é o acto de libertar a energia e isso nós fazemos! É como a técnica do "Grito Primal", mas ao menos a uivar não assustamos ninguém!!!

    Às vezes gostava que as pessoas fossem mais como os animais: mais transparentes, masi simples e mais básicas. Seria tudo TÃO mais fácil...

    Mais uma vez obrigada pela visita Alexandra.
    Desejo-lhe(te?) bons uivos (mesmo que seja só com uma, a outra está no pensamento e é o que interessa!), muito optimismo e continuação de boa semana!

    P.S.: Quanto às referências ao Optimismo em Construção, não têm nada que agradecer! Eu é que agradeço a vossa postura e missão de nos "optimizar"!!! :-)

    ResponderEliminar

Diga lá o que pensa...